10 janeiro 2012

Parei e pensei



Parei por um momento e vi que milhares de pessoas atravessaram a minha vida, gravaram o seu nome no museu da minha memória e não demoraram muito a partir. Percebi que no meio de tanto vai e vem de pessoas, eu cresci, eu amadureci e me tornei mais forte do que eu podia imaginar. Sinto tanta falta de alguém que me entenda, que me ouça. Eu queria ouvir de vez em quando um sussurro ao pé do ouvindo, uma voz suave me dizendo “não tenha medo meu amor, eu estou contigo”. São coisas tão simples, mas que significam tudo pra mim. Dizem que não precisamos de outro alguém pra ser feliz, mas de uma coisa eu tenho certeza, o nosso coração precisa se sentir completo através da presença de outro alguém que necessita do mesmo, precisa se sentir amado. Eu passei por poucas e boas nessa vida, eu cai feio, me feri demais e levantei. Sigo esse caminho, tenho alguns “amigos” ao meu lado, mas sigo sempre com aquele medo de que ele se vá, de que ele seja mais um da minha lista de “amigos desconhecidos”. Essa frase do Caio Augusto Leite é linda: “Odeio essas amizades com prazo de validade - de repente eu já não conheço mais ninguém. Onde estão as pessoas que estavam aqui agorinha? O tempo levou, a vida levou, só eu fiquei. Absolutamente sozinho.” Talvez seja assim que eu me sinta, é talvez. Sei que toda essa inquietação vai passar, sei que nada disso é duradouro, e bom que não seja mesmo. Foi bom escrever esse texto, foi bom desabafar um pouco e por algumas coisas pra fora, eu precisava fazer isso.
Reações:

5 comentários:

  1. Muitas coisas nessa vida acabam por se validar. Mas espera, menina, o tempo certo que logo menos chega a tua vez.

    Tenha um 2012 incrível e repleto de pessoas que te façam sorrir.

    ResponderExcluir
  2. Da mesma pressa que se vão, o que tem que ficar demora a chegar. E o bom desses vais-e-vens é que eles te ensinam. Esses retalhos que acontecem na vida servem como aprendizado para te deixar mais firme.

    Flores e uma ventania
    de bons pensamentos, moça.

    ResponderExcluir
  3. Muito Obrigada pelas palavras. Realmente me sinto muito feliz e grata por cada coisa que aqui foi dita, irei guardar com muito carinho e seguirei os seus conselhos. Um abraço para as duas e continuem a escrever, adoro o seu blog Vanessa. Fiquem com Deus e voltem sempre que puder.

    ResponderExcluir
  4. Nossa!! Luara Quaresma no meu blog? Não acredito :o. Fico muito feliz por receber a sua visita e comentário no meu texto, adoro o seu blog e o seu tumblr e queria muito ler o seu livro. Você é sempre bem vinda, se quiser aparecer mais vezes. Abraços e continue escrevendo, seus textos são lindos.

    ResponderExcluir